segunda-feira, 26 de novembro de 2012

"Desigrejados" - (Parte 01)

A Origem!

Paz Perfeita seja Multiplicada aos Queridos Amigos Internautas! Muito bom ter sua companhia aqui no Blog para, mais uma vez estarmos desfrutando da Poderosa Palavra de Deus! Pra nós é um imenso prazer quando recebemos de Deus uma Palavra para compartilharmos aqui, pois temos consciência de que o Senhor tem falado ao vosso Coração de maneira especial, como também tem falado ao meu! Espero que mais uma vez assim o seja em vossas Vidas; nos vossos corações e mentes! Que o Espírito Santo possa descortinar nosso entendimento para compreendermos a largura, comprimento e profundidade do Amor de Deus por vossas Vidas! Estamos certos de que em todas as coisas somos mais que vencedores em Cristo Jesus, Senhor nosso!

Um Fenômeno crescente tem se fortalecido pelo mundo: O Movimento dos “Desigrejados”! Esse movimento tem assustado Lideranças em todo mundo, mas, são poucos os Líderes que ousam falar algo sobre ele! O termo “desigrejado”, segundo eles mesmos se definem: “É ser desvinculado dos lugares ‘apelidados’ de igreja; é seguir a Cristo e não depender da Igreja Institucional, das Instituições religiosas com placas de Igreja; igrejolas; ou Igrejas evangélicas e católicas; é sair para fora do sistema religioso, negando o cristianismo.” Quem são estes? Uma Massa de insatisfeitos com os rumos que o Cristianismo e a Igreja como Instituição têm tomado! Gente que outrora era chamada apenas de “desviados”, hoje – DESIGREJADOS – Gente que está sem Igreja!

Mas vamos buscar as origens disso tudo. Quero, antes de qualquer coisa, dizer que não vamos aqui traçar um perfil detalhado desse povo, nem do movimento que eles representam; apenas queremos analisar a questão e diagnosticar o problema; como também, apontar uma direção a seguir. Como sempre digo, não sou o “Dono da Verdade”, mas, à luz da Palavra de Deus, vamos buscar respostas. Gosto sempre de dizer também, que tudo que procuramos trazer para este Blog é fruto de Direção do Espírito Santo, de oração, de meditação da Palavra de Deus e pesquisa. Sabemos que o Espírito Santo não falha, mas nós somos falhos e limitados. Assim sendo, a opinião aqui expressa, não está encerrada em si mesma, mas, baseada na Palavra de Deus para análise dos leitores.

Em primeiro lugar é preciso que lembremos, que o próprio Jesus Cristo, bateu de frente contra o Sistema Religioso da época em que esteve aqui! Ele o fez e pagou um alto preço por esta ousadia! E logo numa época em que tudo era bem “amador”! Hoje, se alguém quiser seguir o exemplo de Jesus vai ter que enfrentar coisas muito mais complexas! Nós hoje temos uma “Indústria Religiosa”; temos “Convenções”; temos “Marchas para Jesus”; temos verdadeiros conglomerados que se tornaram verdadeiros “Impérios” ao longo dos anos! As Ovelhas de Cristo são vistas como “produtos”; “matéria prima”; “clientes” de uma indústria de consumismo desenfreado; “engrenagens” da grande Máquina de Luxúria que se tornou a Igreja de Cristo! Forte isso, não é? Mas é a pura realidade!

Charles Colson acertou em cheio quando disse: "Conforme se diz, a igreja de Jesus Cristo é como a arca de Noé: o mau cheiro de dentro seria insuportável se não houvesse uma tempestade do lado de fora"! O que temos dentro dessa “Barca”, pois seria ofensa em muitos casos comparar a Igreja com a ARCA, é muito mais complicado do que imaginamos, senhores(as)! A “Indústria Evangélica” virou a cabeça de muita gente! No mercado fonográfico, nós temos um grupinho que vende e outro que só assiste! Tudo que é feito na música evangélica, não obedece a critérios divinos; mas, profissionais, pois tudo tem que ser o mais vendável possível! Com algumas raras exceções! Os cachês cada vez mais altos tornam os “artistas” inviáveis para pequenos grupos evangélicos!

Tudo virou mercado! Todos tem um “preço”; tudo é questionável e discutível; cada um com suas “razões”! Até os pregadores que antes eram somente Ministros da Palavra de Deus, hoje se tornaram “VIPs” com suas “Centrais Administrativas” eles fazem os “acertos” para ministrarem aqui ou ali! Nada se faz sem reciprocidade, sem barganha! As “ofertas” são cada vez mais altas para se trazer um “príncipe” desses! Nós temos uma gama de “produtos” sendo lançados nesse Mercantilismo Gospel! Além dos CDs e DVDs, temos Grifes evangélicas; temos os produtos literários; produtos para Igrejas; para campanhas; temos muambas variadas! Nas Convenções e Congressos vemos as “barracas” se multiplicando e não me deixam mentir! Tá aí pra todo mundo ver!

As Convenções se multiplicam pelo mundo a fora! A cada virada de ano algum “ministro” insatisfeito funda uma nova entidade prometendo uma “nova filosofia” que nunca é vivida! Na maioria dos casos, apenas alguém interessado em “morder” uma fatia desse “bolo” que se tornou a Igreja. Todos, com sede de Poder e Controle! Nessas “convenções” se discute de tudo, menos sobre Almas; sobre Vidas! É briga pela invasão de um território de um ou outro “Coronel”; é briga pela aplicação de sanções administrativas, penais ou jurídicas aos “rebeldes” que ousam romper com a politicagem; é briga pelos “partidos” que se candidatam ao Poder; lá se combinam outras mais ‘convenções’ com mais “patrocinadores”; se cobram as “anuidades” dos atrasados com firmeza...

Mas raramente se fala sobre novas estratégias de Evangelização; raramente se fala sobre ORAÇÃO; sobre a necessidade de orar! Aliás, se me permitem ainda, as orações, quando ocorrem, são as mais formais possíveis; só para não se dizer que não oraram! Acordos, viagens, festas e outras coisas mais são combinados, e em alguns casos alguns relatos missionários... Em muitos casos, a sensação que temos ao final desses encontros, é pura decepção e frustração! Lamentavelmente esses são os sentimentos que afloram, mas ficam contidos na maioria das vezes! Aliás, o “silêncio” dos que participam dessas “reuniões” dos “Senhores do Engenho Eclesiástico” é também lamentável! Pois a obreirada fica omissa, deixando que a coisa corra solta! Afinal, não vamos queimar nosso filme!

Não há nada de diferente mesmo na cabeça de muitas de nossas Lideranças Evangélicas! A busca ferrenha por aquilo que DÁ CERTO e não o que É CERTO; os movimentos de “crescimento de Igrejas”; a Teologia da Prosperidade – A Barganha Financeira com Deus; os testemunhos mirabolantes e “circenses”; o movimento do “cair no poder” ou “queda no espírito”; o movimento neopentecostal com seus projetos de conquista e expansão; a secularização; a “profissionalização” do Ministério Pastoral; os escândalos ocorridos na Igreja e o abafamento dos mesmos; a busca de diplomas Teológicos reconhecidos pelo estado; envolvimento político; a ausência da Aplicação da Palavra de Deus e a falta do tempo hábil para Ministração da mesma... São algumas das coisas que tem contribuído para a decepção geral e, portanto, o fortalecimento desse Movimento!

A igreja nunca foi e nunca será (nesta terra) um ambiente de notáveis cidadãos perfeitos! A igreja não é uma reunião de anjos, mas sim uma reunião de pecadores em busca de redenção! Isso é um fato! Somos um Hospital Espiritual onde temos Jesus Cristo como Médico dos médicos; o Espírito Santo como Enfermeiro Chefe e a Palavra de Deus é o Manual de Procedimentos! Nós, os que adentram pelas Portas da Igreja, pertencemos basicamente a duas classes: Ou somos os que carecem de tratamento, ou somos meros Auxiliares de Enfermagem! Mas o que tem ocorrido, é que os “Auxiliares” têm sido substituídos pelos doentes para ministrarem a doentes! O Manual tem sido desprezado; o Espírito Santo como Enfermeiro Chefe é ignorado e Jesus, só é lembrado diante do caos!

Todas essas coisas e mais a OMISSÃO de nossas Lideranças que relutam em ouvir o CLAMOR da Igreja que sofre, tem sido fatores contribuintes em potencial para o número cada vez mais crescente de gente decepcionada com a Igreja Institucional e organizada! Não é pra menos! Será que vamos avançar nesse século ignorando tais acontecimentos e contribuindo para o esvaziamento da Igreja de Cristo?! Será que vamos continuar prepotentes e arrogantes diante de tanta calamidade?! Será que vamos continuar calados?! Quando abrimos a boca aqui, não queremos ser melhores que ninguém, apenas estamos no esforço de buscarmos um “Cristianismo Autêntico”! E essa busca é nobre, não deve ser tida como “rebelião” ou como ideias demoníacas! Façam-me o favor!!

Nós, Cristãos não podemos ser defraudados no DIREITO de Pensar; de refletir e de desejar algo melhor para nossas Vidas! Enquanto ignorarmos esses fatos ocorrentes, enfraquecemos a Igreja de Cristo! Continuaremos lançando almas e mais almas para fora da Igreja!? NÃO PODEMOS PERDER O FOCO QUE É CRISTO; que é o Evangelho; a Boa Nova de Salvação e de Restauração da humanidade! Nós não vamos parar por aqui, ainda queremos falar mais sobre este assunto na segunda parte desse Artigo, mas fica aqui registrado nosso lamento e nossa indignação por tudo isso que estão fazendo ou permitindo que se façam com as Ovelhas do Rebanho de Cristo! ALGUÉM VAI TER QUE PRESTAR CONTAS DISSO! Podem ter certeza! Que Deus tenha piedade de nós!

Minha oração é que este Artigo possa chegar onde precisa, para que a Igreja de Cristo seja Restaurada para Glória de Deus! Estamos orando por este Avivamento! Se você concorda, ajude-nos compartilhando essa Mensagem! Que Deus te abençoe e aguarde a segunda parte desse Artigo! Agradecemos também aos mais de 2.000 acessos em duas Semanas! Glória a Deus! Forte abraço à todos!

Pr. Paulo Giovane S. Fonseca-MS. ><>