quinta-feira, 29 de novembro de 2012

Você é fruto do meio em que Vive?


Depois de "Desigrejados".


Olá queridos Amigos Internautas! Paz Perfeita vos seja Multiplicada em Cristo Jesus neste dia que nos fez o Senhor! Mais uma vez aqui estamos para desfrutarmos de uma porção da Palavra de nosso Deus! Espero que mais uma vez Deus possa falar ao seu coração de maneira muito especial e profunda nesta oportunidade e que vossas Vidas e Famílias sejam abençoadas pelas Mãos do Deus Vivo que nos faz mais que Vencedores! Obrigado pela vossa companhia, sempre nos dando a satisfação da vossa presença aqui no Blog; compartilhando nossas Mensagens e indicando o Blog a seus Amigos! Deus vos abençoe ricamente e vos recompense sempre! Estamos juntos!!

Há quem defenda a tese de que o homem é produto do meio. Há quem afirme que o meio é produto do homem. Há quem sustente que o homem é produto de si mesmo, e há, ainda, quem ache que a corrupção é inerente ao ser humano em geral. Para John Locke (1632-1704), filósofo inglês, “Os homens são bons ou maus, úteis ou inúteis, graças a sua educação”. Para Jean Jacques Rousseau (1712-1778), filósofo e político francês, “O homem nasce bom, a sociedade é que o corrompe.” Para Jean-Paul Sartre (1905-1980), escritor e filósofo francês, “o homem não é nada mais do que ele faz de si mesmo”. Celso Chauri, médico e filósofo paulista, defende a tese de que o meio é produto do homem e que, portanto, seres com percepção ampliada e com seu potencial mental, psíquico e espiritual desenvolvido, podem ajudar a construir um mundo mais digno.

Em nossa concepção, o ser humano, quando nasce, não nasce bom nem mau; não nasce honesto nem desonesto: ele simplesmente nasce. Mas, nasce em pecado como diz a Bíblia (Sl. 51:5); com a semente do mal incutida em sua natureza, em decorrência do pecado original. Porém, no seu nascimento, começa a sua construção física, social, ética e moral; ao longo da sua vida, o meio, as circunstâncias moldam o seu caráter, a sua personalidade para o bem ou para o mal; podendo ele ser influenciado para a natureza má ou não. Em síntese, o meio, as circunstâncias influem na formação do sujeito: a família, a educação, a comunidade, o ambiente, a condição socioeconômica etc.

Mas a questão aqui é: VOCÊ É FRUTO DO MEIO EM QUE VIVE? É movido pelas circunstâncias? Pois tem pessoas que, quando tudo está bem, ela está bem, mas bastou alguma mudança na atmosfera à sua volta, pronto! Ela também muda completamente! Se o dia tá bacana, ela tá feliz, mas basta algo dar errado, ela muda o humor instantaneamente; tornando-se assim, fruto do meio; das circunstâncias! E aí, você é assim? Vive tocado pelos ventos das circunstâncias e torna-se volúvel de acordo com o ambiente à sua volta? Olhando para as figuras que ilustram essa Mensagem você se vê em uma delas? Não sei se você reparou, mas dê uma olhadinha!

E aí, qual delas reflete sua personalidade? Você é como o CACTO NO DESERTO, ou como uma ÁRVORE SECA EM TERRA BOA? O contexto do versículo base deste Artigo fala muito ao nosso coração em relação a esse assunto. Habacuque foi chamado por Deus para profetizar à Nação de Israel num período bem difícil. O Império Caldeu estava em plena expansão e a invasão das terras de Israel era uma questão de tempo. O Profeta chega à cidade e começa a ser influenciado pelo meio! Ele contempla a calamidade e se torna prisioneiro daquele caos! Começa a questionar a Deus e entra em parafuso por todo o primeiro capítulo de seu Livro.

Ele era um Profeta enviado por Deus, mas, pergunta: “Por que me fazes ver essa vexação?” Percebeu? Ele veio com a Palavra de Deus, mas muda todo o humor diante das circunstâncias negativas que vê! Quantos vivem essa realidade em suas Vidas?! Têm a Palavra de Deus nas mãos; têm Promessas da parte de Deus; têm saúde; vida; amigos; emprego; etc. Mas, vivem como Árvore Seca em terra boa! Não conseguem enxergar além de suas lutas e dificuldades! Tornam-se escravos das circunstâncias num solo fértil! Cativos, quando Cristo já os libertou! Vivem reclamando, murmurando, praguejando... Só a Graça de Jesus! Encontrar com esses na rua e perguntar como vai... É luta pura!

Foi preciso que Deus, na parte “b” do versículo quatro do capítulo dois do seu Livro, puxasse a orelha do Profeta dizendo: "Meu filho, o justo pela sua fé viverá!” Ou seja, CUIDE DE SUA VIDA, MANO! Enquanto você está aí reclamando, se tornando fruto do meio, tua FÉ está fracassando; enquanto você está aí murmurando, questionando e olhando só para os problemas, sua Vida Espiritual está indo para o saco! Deus está falando contigo, querido(a)! Era essa a situação que Deus identificou na Vida do Profeta! O seu Ministério estava murchando enquanto ele se tornava refém das circunstâncias! Entendeu? Habacuque assimila a Palavra de Deus, como eu espero que você também o faça!

Pois o capítulo três de seu Livro inicia dizendo: “Oração do Profeta sob a forma de canto”; ou seja, quando Habacuque parou de reclamar e questionar, sobrou tempo para ORAR E CANTAR! Glória a Deus! Que revelação de Deus pra nossa Vida, irmão(ã)! Ao invés de murmurar; de reclamar, passe a ORAR E CANTAR Louvores a Deus! As coisas vão mudar! Creia nisso em Nome de Jesus! Depois dessa declaração do Profeta, ele inicia sua oração dizendo: “Aviva, óh Senhor, a tua Obra!” Habacuque deixou de reclamar da Obra; da Vida; das circunstâncias, das pessoas, do pastor e passou a Interceder por tudo; pela Obra, pela vida e pelas Circunstâncias! E a partir daqui as coisas mudam pra ele!

Chegamos aos versículos do Texto Base desta Mensagem, quando o Profeta então declara, agora LIBERTO do meio; livre das circunstâncias: “Porque ainda que a figueira não floresça, nem haja fruto na vide; ainda que decepcione o produto da oliveira, e os campos não produzam mantimento; ainda que as ovelhas da malhada sejam arrebatadas, e nos currais não haja gado; todavia eu me alegrarei no SENHOR; exultarei no Deus da minha salvação.” (Hc.3: 17-18). Aleluia! Durante sua Oração e seu Louvor, as escamas que impediam o Profeta de enxergar além das dificuldades, caíram! Ele agora pode VER; ele agora está livre; está LIBERTO do meio! Você entende isso?

Precisamos destacar algumas coisas ainda neste texto: Ele diz: “Ainda que”: 1 – “A figueira não floresça”! Flores falam de expectativa do bem futuro; esperança de algo que virá! 2 – “Não haja fruto na vide”! Fruto fala do bem consumado; da realização! 3 – “Que decepcione o produto da oliveira”! Frustração de resultados; decepção naquilo que era pra ser bom, mas que não veio bom! Entendeu?! Os demais são situações que não carecem de interpretação exclusiva, mas que retratam a libertação da dependência do meio quando o Profeta conclui dizendo: “Todavia eu me ALEGRAREI no Senhor; exultarei no Deus da minha salvação”! Glória a Deus por esta Palavra!

Habacuque não queria só manter a Alegria no âmbito interno do seu ser; ele queria externa-la quando diz: “Exultarei”! Demonstrarei esta minha Alegria em Deus para que todos vejam! Todos à minha volta precisam saber e enxergar essa Alegria na minha Vida! Tem muita gente que já viciou em dizer: “Estou alegre com Jesus!” Mas ninguém vê isso em sua face! A expressão facial não corresponde ao que ela diz sentir! Mas Habacuque resolve isso dizendo que queria EXTERNAR essa Alegria pra que TODOS pudessem constatar que ele estava LIVRE do meio! Louvado seja Deus! Eu profetizo esta Alegria contagiante de volta na tua Vida, amado(a)! Em Nome de Jesus Cristo!!

A Alegria na Família; no Casamento; no Trabalho; nos Estudos; nos Relacionamentos... Essa Alegria tem que voltar para a Glória de Deus! Tome posse desta Palavra Profética agora! Portanto, amados(as), Deus está mais uma vez nos usando aqui para DEPOIS DE “DESIGREJADOS”, te trazer uma Nova Perspectiva de Vida; uma Nova Atitude na sua caminhada; no seu Ministério... Não desista! Fique firme e avance através da Palavra de Deus, da Oração e do Louvor! Em Nome de Jesus! Deus muda a tua História nesta hora e te faz vencedor para glória do Nome d’Ele! Eu termino esse Artigo dizendo que Deus te fará o que fez a Habacuque: Mudará a tua perspectiva da Vida!

Habacuque declara no versículo dezenove: “O SENHOR Deus é a minha força, e fará os meus pés como os das cervas, e me fará andar sobre as minhas alturas.” O profeta declara já com Nova Perspectiva: “Deus fará os meus Pés como os das CERVAS” – As cervas, fêmeas dos veados, não rodeiam os obstáculos, elas saltam sobre eles! O profeta está dizendo: “Não vou mais perder o meu tempo tentando contornar as circunstâncias; a partir de agora, saltarei sobre tudo!” Depois ele finalmente declara: “Me fará andar sobre as minhas alturas”! Ele diz: “Onde minhas mãos não alcançam hoje, amanhã, meus pés andarão lá!” Amém? Glória a Deus! Entendeu tudo?

Tá dado o recado de Deus pra você, viu? Que Deus te abençoe e conte com nossa ajuda em Oração. Saiba que o que Deus tem pra tua Vida está além, muito além do que você pede e pensa! Aleluia! Deus falou contigo? Compartilhe esta Mensagem pra que outros venham também, ser abençoados! Conto convosco nisso! Um forte abraço e fiquem todos na Santa Paz do Senhor Jesus Cristo! Deus vos abençoe!!

Pr. Paulo Giovane S. Fonseca-MS. ><>